Você adicionou a sua lista de compras. O que deseja fazer agora?
Continuar Comprando! Fechar Compra!
X

Escreva para mim:

Aguarde, enviando contato!

Repositórios digitais no futuro

Um texto forma uma página. Uma página forma um livro. Um livro forma uma estante. Uma estante forma uma biblioteca. E uma biblioteca pode ajudar na formação de um leitor usando os ambientes virtuais como as salas de leitura.

Repositórios digitais no futuro

Por Ednei Procópio

Embora eBook possam ser utilizados, através dos repósitores digitais, como ferramenta complementar no sistema de ensino aprendizagem, eles ainda não estão amplamente sendo utilizados na área da Educação. Estamos vivenciando uma fase onde inúmeros projetos ainda tentam de certo modo mimetizar os processos de acesso aos conteúdos já existentes, em vez de criar um novo cenário utilizando as inúmeras possibilidades que a tecnologia da informação nos permitiria.

Um dos principais motores de uma transformação no modo de ‘ambientalizar’ o processo de aprendizagem é a disseminação dos recursos onipresentes da computação, entre eles a própria internet. Já existem boas alternativas, mas ainda há muitos entraves dos diversos lados envolvidos, tanto pelo lado da Educação, que ainda tenta testar o modelo nas escolas, quanto da própria tecnologia, ou de seu modelo, que ainda não se provou realmente eficiente na falta, muitas vezes, do equilíbrio entre a teoria e a prática.

Os impeditivos da utilização dos eBooks na Educação passam também pela chamada exclusão digital, pelo analfabetismo funcional (que em 2017 alcançou 11 milhões de brasileiros), pela falta de acesso e conexão à internet, entre outras questões ainda mais sérias e infelizmente não resolvidas. Os números da falta de leitura no Brasil, por exemplo, são alarmantes. Em qualquer pesquisa ou estudo que se analise, entre eles o indicador Ideb [Índice de Desenvolvimento da Educação Básica], o que se percebe é uma lentidão generalizada na construção de novas bibliotecas, na abertura de novas salas de leitura e na formação de novos leitores.

E é neste sentido que a tecnologia do livro digital pode ajudar na disseminação da literatura através de dispositivos móveis em lugares aonde as bibliotecas de tijolos não chegarão até 2020, prazo estipulado pela Lei N°12.244.

Um texto forma uma página. Uma página forma um livro. Um livro forma uma estante. Uma estante forma uma biblioteca. E uma biblioteca pode ajudar na formação de um leitor usando os ambientes virtuais como as salas de leitura aqui propostas.

Os eBooks devem transformar a realidade das bibliotecas no Brasil e no mundo. Com apenas um único dispositivo de leitura em mãos, o leitor pode acessar infinitas páginas, de diversos livros, de muitas estantes, de uma biblioteca digital, escolar ou pública. A Educação, em nosso País, deve se preparar para lidar com uma nova demanda que já foi criada com o advento do livro digital. Para isso, o reinvento das bibliotecas se torna o próximo desafio para toda a sociedade.

Para ampliar seu conhecimento sobre o tema, leia os demais artigos anteriormente publicados :

 

IF YOU COPY, COPYRIGHT!

Ednei Procópio é Escritor e Editor especialista em livros digitais.

 

Veja Também:

Artigos Relacionados

Entrevista de Ednei Procópio para o Programa Livros em Revista

Entrevista de Ednei Procópio para o Programa Livros em Revista

O compartilhamento aberto nas bibliotecas digitais

O compartilhamento aberto nas bibliotecas digitais

Olá, deixe seu comentário para Repositórios digitais no futuro

Enviando Comentário Fechar :/