Você adicionou a sua lista de compras. O que deseja fazer agora?
Continuar Comprando! Fechar Compra!
X

Escreva para mim:

Aguarde, enviando contato!

Definindo uma política de acesso nas bibliotecas digitais

Definindo um política de acesso aos livros e materiais digitais nas bibliotecas digital

Definindo uma política de acesso nas bibliotecas digitais

Por Ednei Procópio

Conforme o projeto de uma determina biblioteca digital, pública ou privada, for crescendo em tamanho de títulos e usuários, outros desafios virão.

Os desafios começam pela modo como a própria bibliodiversidade é encarada e aplicada; até o número de exemplares digitais disponíveis para cada título que estará, por sua vez, automaticamente ligado ao modelo de permissão de acesso ao usuário.

A política de acesso para cada biblioteca digital estará intimamente ligada com o seu modelo de negócios. As aquisições e ou as compras de livros só poderão ser efetuadas se o modelo de acesso for bem especificado. Por exemplo, a biblioteca pode ter um modelo na qual o usuário pague uma assinatura (modelo pay per view, por xempl). O usuário pode optar pelo empréstimo em curto ou longo prazo.

Cada biblioteca digital pode ter definidas as suas próprias políticas de acesso aos conteúdos. Cada política de acesso deve estar visivelmente bem clara a todos os atores do projeto para que a comunicação, desde a aquisição das coleções, até a sua disponibilização, se mantenha clara e objetiva.

Propomos enfim, em um projeto de construção de uma biblioteca digital, uma política de acesso universal e irrestrita que mantenha ao mesmo tempo resguardados os Direitos Autorais, mas, principalmente, o direito do acesso à informação e ao conhecimento em primeiro plano.

Eis aqui o nosso check list básico:

Definição da política de acesso dos leitores/usuários;
Definição da política de compra dos eBooks;
Definição do modelo de negócios da biblioteca.

Estes três itens básicos irão melhorar o desempenho da nossa biblioteca digital, pública ou escolar, na medida em que irá baixar o nível de convencimento dos detentores de Direitos Autorais e propiciará melhora na comunicação com o leitor, usuário, aluno, etc.

Leia também os demais artigos anteriormente publicados sobre o tema:

Ednei Procópio é Escritor e Editor especialista em livros digitais.

Veja Também:

Artigos Relacionados

Professor também é leitor

Professor também é leitor

A arquitetura de uma biblioteca digital

A arquitetura de uma biblioteca digital

A descentralização das bibliotecas digitais

A descentralização das bibliotecas digitais

Olá, deixe seu comentário para Definindo uma política de acesso nas bibliotecas digitais

Enviando Comentário Fechar :/